imagem_release_1682068

A TV Unesp acaba de firmar parceria para que seus conteúdos passem a ser transmitidos também dentro da programação da NET na cidade de Botucatu, uma das principais unidades da Universidade. A expectativa é que o sinal esteja disponível dentro das próximas semanas. Muito provavelmente através do canal 18, o mesmo em que a TV Unesp já é reproduzida na cidade de Bauru.

 

A iniciativa marca oficialmente uma nova fase da emissora, que planeja em breve também viabilizar seus conteúdos em sinal aberto à população do Município. Dentro de seu projeto de expansão, Botucatu será a primeira cidade a contar com o serviço. Uma emenda parlamentar de R$ 100 mil foi conquistada recentemente para a compra de parte dos equipamentos de retransmissão, o que pode ocorrer ainda neste ano.

 

A TV Unesp atualmente está presente apenas em sua cidade-sede, Bauru, onde seu conteúdo chega a uma população de aproximadamente 340 mil habitantes. Com esta expansão será possível que essa cobertura dobre rapidamente. Assim, a Unesp deverá ser a primeira universidade no País a contar com uma rede de TV aberta voltada à disseminação do conhecimento.

 

“A expansão (da TV Unesp) era um desejo da comunidade unespiana. Na verdade Botucatu é um projeto piloto. Vamos nos espelhar para fazer esse plano atingir grande parte do Estado e principalmente regiões mais carentes, distantes da capital. E com certeza a chegada da TV trará um impacto muito grande a essas cidades. Essa parceria com a NET é um primeiro passo”, enaltece Prof. Francisco Machado Filho, diretor da TV Unesp.

 

Atualmente a NET está presente em 75 cidades do interior paulista. A meta da empresa é poder estar presente, até 2024, em 200 cidades do Estado de São Paulo. “A gente entende que conhecimento sempre tem que ser expandido e um dos principais meios de comunicação ainda é a TV. Então nada melhor do que levar o conhecimento regionalizado. Isso proporciona muito valor à programadora e população. Então não vamos medir esforços para fazer com que a TV Unesp esteja presente onde estivermos”, afirma William Peres, gerente de operações da NET.

 

Sem limites ao conhecimento

Aos poucos, com apoio dos diretores das unidades da Unesp em Botucatu e da Fundunesp, o projeto de expansão da TV Unesp passou a ganhar corpo. Agora os envolvidos não enxergam limites dos benefícios que a expansão da TV Unesp pode representar para o fortalecimento da Universidade, como também para a própria população como um todo. Independente onde esteja.

 

“A possibilidade é de atingir não apenas o Estado. Vai além, porque todo conteúdo produzido pela TV Unesp já é transmitido pela internet. Então ao meu ver, a TV Unesp é algo estratégico. Quanto mais a TV expandir, mais iremos mostrar à população o que se faz dentro da Universidade”, defende o Prof. Celso Antonio Rodrigues, diretor da FCA e FMVZ e presidente da Administração Geral da Unesp Botucatu.

 

“Já temos convênio com a TV Câmara, que já tem passado conteúdos da TV Unesp. Então agora podemos transmitir programas para o Brasil todo. Imagine os conteúdos de inovação, ciência, educação e inclusão social que podem ser disponibilizados. Pode ser possível, por exemplo, levar cursinhos universitários para dentro dos lares”, vislumbra o Prof. Edson Luiz Furtado, presidente da Fundunesp.

 

Diretores das unidades da Unesp têm, inclusive, estudado a possibilidade de criar um estúdio próprio, no campus de Rubião Júnior, para a produção de conteúdos locais exclusivos. Enquanto isso não acontece, o Instituto de Biociências da Unesp Botucatu já tem produzido seus próprios conteúdos.

Com envolvimento de professores, alunos e alguns servidores, o IBB criou recentemente sua própria Agência de Divulgação Científica (AgDC). Inicialmente o material, que era apenas reproduzido através de redes sociais na internet, agora também é transmitido pela TV Câmara de Botucatu e, em breve, também deverá compor o leque da programação da TV Unesp.

 

“Essa é uma iniciativa que já vem dando muito certo e que com certeza será potencializada através da TV Unesp. É algo fantástico pensar que podemos nos aproximar e interagir de forma mais efetiva com a população, que espera ver das universidades públicas gestos mais concretos e que transformem de fato a sociedade”, contextualiza o diretor do Instituto, Prof. Cesar Martins.

 

Sobre a TV Unesp

A TV Unesp foi implantada em 2005, mas está no ar efetivamente há 7 anos. O objetivo dela é aproximar a pesquisa acadêmica do dia a dia da população, desempenhando importante papel nas atividades de ensino, pesquisa e extensão realizadas pela Universidade Estadual Paulista.

 

Em Bauru, a programação da TV Unesp pode ser assistida em sinal aberto pelo canal 46.1 HD (sinal digital); TV a cabo, no canal 18 da operadora NET; ou seu canal no Youtube [youtube.com/tvunesp]. Mais informações da emissora pelo site www.tv.unesp.br.


marketing digitalibunesp botucatuassessoria de imprensatv unespassessoria de comunicaçãobaurubotucatu